Menu Lange
Menu Direita

Identificado homem que morreu soterrado em Xanxerê

Natan Lucas Canal | Bombeiros | 12/05/2022 07:33
Identificado homem que morreu soterrado em Xanxerê
Compartilhar no Whatsapp
Visualizações: 11476

Por volta das 16h25, os Bombeiros de Xanxerê  foram informados de objeto cair sobre trabalhador mas ao chegar no local, foi constatado se tratar de vitima de deslizamento de concreto e solo.

No local identificou a complexidade da ocorrência, identificando que a vítima já estava em óbito. Foi acionado apoio de Xaxim e Faxinal dos Guedes, os quais foram logo dispensadas,
sendo solicitado apoio da Força Tarefa do 14º Batalhão, tendo em vista a especificidade da ocorrência de deslizamento.

O solo estava instável e havia acumulo de água, com água vertendo do solo em grande quantidade. A vítima estava soterrada sob concreto, num pilar estrutural da fundação da edificação em construção, pilar este com aproximadamente 4m de profundidade. O concreto veio oriundo de outro pilar ao lado.

A primeira ação dos membros da Força Tarefa com curso de deslizamento, foi determinar a abertura de uma vala lateral ao pilar para acessar a vítima, com apoio de retroescavadeira, e remover água com uma bomba de água suja. Essa abertura foi bastante larga devido a instabilidade de solo. No decorrer desse momento aumentou o fluxo de água vertendo do solo, o que dificultou a escavação.

Após a abertura da vala, o acesso à vítima foi realizado utilizando desmanche hidráulico, no qual foi possível remover parcialmente o concreto e solo ao redor da vítima, até a altura do quadril. O concreto, já estava em fase de endurecimento, sendo necessário uso de inchadas e pás, alternando com o desmanche hidráulico para finalizar a remoção do corpo.

A ocorrência durou cerca de 5h, ao fim o corpo foi entregue aos cuidados do IGP, feito feedback da ocorrência no local e as equipes retornaram ao quartel para desmobilização.

A vítima foi identificada como Evandro Antônio de Lima Trein de 23 anos, natural de Sergipe.

Deixe seu comentário

Acesse nosso grupo de notícias