Menu Lange
Menu Direita

Família de Passos Maia investe na produção de hortaliças sem agrotóxicos

Alessandra Bagattini | Comunidade | 21/07/2021 10:57
Família de Passos Maia investe na produção de hortaliças sem agrotóxicos Fotos: Arquivos Pessoais
Compartilhar no Whatsapp
Visualizações: 19090

Nos últimos anos, a procura por alimentos orgânicos tem aumentado. O que até pouco tempo era considerado uma mania de pequenos grupos alternativos, hoje virou um negócio que cresce dia após dia.

A agricultura orgânica pode ser definida como um sistema que visa a sustentabilidade social, ambiental e econômica da unidade de produção. O princípio básico desse sistema é a conservação dos recursos naturais, sem o uso de fertilizantes sintéticos de alta solubilidade, agrotóxicos, antibióticos e hormônios.

Em Passos Maia, uma família é destaque neste seguimento. O trabalho iniciou nos últimos anos e os produtos da propriedade são comercializados na comunidade local.

– Nossa unidade de produção é um lote de Assentamento da Reforma Agrária, o qual conquistamos por meio das ocupações de terra improdutivas realizada pelo Movimento dos Trabalhadores Rurais Sem Terra (MST), em 1997. Nosso assentamento tem o nome de Conquista dos Palmares, e nossa unidade de Produção se chama Terra Conquistada, esse nome devido à grande Luta dos meus pais e de tantas outras famílias que sofreram anos em baixo de uma lona pra conquistar seu tão sonhado pedaço de chão – diz Saruê Karina do Santo Isaton.

Tudo começou com os pais de Saruê, mas aos poucos o trabalho foi criando novas proporções. Atualmente, todo o trabalho é familiar.

– Meus pais sempre produziram para o autoconsumo da família, sempre tivemos nossa horta, nossos animais, aves, suínos e bovinos, teve um tempo que também tínhamos ovinos, produzimos grãos, milho, soja, feijão, arroz, mas foi nesses últimos anos que iniciamos o plantio de hortaliças – comenta.

Na propriedade, apenas nas plantações de soja e milho e utilizado produtos químicos. No restante da produção todo o manejo é realizado de forma orgânica.

– Tenho mais dois irmãos: uma irmã de 29 anos, e um irmãozinho de oito, e eu de 25 anos. Minha irmã se forma esse ano em pedagogia e eu em 2014 inicie a faculdade estudei Agronomia na UFFS, Instituto Educar. Foi lá que conheci meu companheiro que é do Rio Grande do Sul, terminamos a faculdade e decidimos voltar pro lote pra contribuir no processo de sucessão familiar. Hoje na unidade de produção vivem eu, meu esposo Maferson Augusto Mânica, meu irmãozinho João Davi, meu pai Volmar Isaton e minha mãe Claudete Caciano. Desde então decidimos reorganizar nossa unidade de produção, com calma, pois, não é do dia pra noite que iremos conseguir pois temos que ter os pés no chão, de lá pra cá começamos a se dedicar a produção de hortaliças e morango, tudo de forma agroecológica, sem agrotóxicos – frisa.

Dentre os produtos sem agrotóxicos que são vendidos, estão: alface americana; crespa; pão de açúcar; chicória; rúcula; radite; cebolinha verde; salsinha; couve; repolho; mandioca; batata doce; limão; lima; laranja; doce de abóbora e doce de melado de cana com laranja.

Família de Passos Maia investe na produção de hortaliças sem agrotóxicos
Família de Passos Maia investe na produção de hortaliças sem agrotóxicos
Família de Passos Maia investe na produção de hortaliças sem agrotóxicos
Família de Passos Maia investe na produção de hortaliças sem agrotóxicos
Família de Passos Maia investe na produção de hortaliças sem agrotóxicos
Família de Passos Maia investe na produção de hortaliças sem agrotóxicos
Família de Passos Maia investe na produção de hortaliças sem agrotóxicos
Família de Passos Maia investe na produção de hortaliças sem agrotóxicos
Família de Passos Maia investe na produção de hortaliças sem agrotóxicos
Família de Passos Maia investe na produção de hortaliças sem agrotóxicos
Família de Passos Maia investe na produção de hortaliças sem agrotóxicos
Família de Passos Maia investe na produção de hortaliças sem agrotóxicos

Deixe seu comentário

Acesse nosso grupo de notícias